Lutas como exercício físico

 em Bem Estar, Estilo de Vida

Algumas pessoas sentem vontade e necessidade de se movimentar, seja indo para a academia ou praticando uma atividade em casa, mas, muitos acabam não começando os exercícios por não gostarem das práticas padronizadas, como esteira ou levantamento de peso. O que muitos não sabem é a opção de realizar lutas para ganhar condicionamento físico, força, tonificação e é claro, queimar calorias.

Aqui você vai saber um pouco mais sobre jiu-jitsu, boxe, muay-thai, krav maga e pa-kua.

  1. Jiu-jitsu

A arte suave, como é conhecida popularmente, foi criada no Japão, mas chegou ao Brasil e se tornou o que é hoje em dia. O Brazilian Jiu-Jitsu valoriza muito as lutas no chão e as técnicas de finalização, sempre focando em flexibilidade, pensamento rápido e concentração, pois todos os movimentos devem ser calculados para não se expor ao adversário.

O jiu-jitsu sofre muito preconceito pelo passado, onde muitos praticavam poucas aulas e brigavam na rua, além disso, as orelhas inchadas assustam muito quem não tem contato com esse ambiente, mas pode ficar tranquilo, essas pequenas lesões podem ser evitadas pedindo para o instrutor ter uma atenção especial nisso.

  1. Boxe

A mais popular luta do mundo é uma excelente forma de queimar calorias, o tipo de condicionamento do boxe é diferente do jiu-jitsu, enquanto a luta de chão precisa de força de isometria, o boxe demanda muita explosão muscular, para lançar os golpes com força. O segredo é o controle corporal para colocar o peso do corpo e saber onde aplicar o soco.

A possibilidade de levar golpes pode afastar muitas pessoas desse tipo de luta, porém, não é obrigatório simular lutas durante os treinos, os chamados sparrings. É só pedir para o professor para não fazer essa parte da aula.

  1. Muay-Thai

O Muay-thai é uma derivação tailandesa do boxe. Nessa arte marcial são permitidos socos, chutes, cotoveladas e joelhadas. Assim como no boxe, o primordial aqui é a explosão e não a manutenção da força, mas diferente da arte suave, o muay-thai possui um trabalho completamente diferente de pernas, por ter os chutes em seu repertório de golpes, o equilíbrio é fundamental, além de noção de profundidade e distância.

Uma das atividades que mais queimam calorias e ao mesmo tempo, uma das mais divertidas de serem praticadas. O recado que foi dado para o boxe pode ser feito aqui também, se não se sentir confortável com os sparings, é só pedir para o professor para não participar.

  1. Krav-maga

O krav-maga foi desenvolvido pelo exército israelense para ser uma tática de combate corpo a corpo que neutralize o oponente com o menor número de movimentos possível. A arte marcial mais indicada para quem procura aulas de defesa pessoal, além disso, é muito boa para fortalecer os membros e aplicar força com pequenos movimentos.

As aulas de krav-maga podem evoluir até para defesa pessoal de facas e armas de fogo, dependendo do professor e da vontade do aluno em aprender esse tipo de golpe.

  1. Pa-kua

O pa-kua é um pilar fundamental da filosofia e do pensamento chinês, baseado nos estágios de mutação da natureza ele tem 9 modalidades: acrobacia, armas de corte, arqueria, arte marcial, cosmodinâmica, energia, reflexologia, ritmo e sintonia.

A arte marcial do pa-kua abriga o aprendizado com e sem armas brancas, porém o maior e mais valoroso ensinamento da modalidade é o equilíbrio de todo o corpo, inspirado pela paz e tranquilidade em harmonia.

Ficou interessado em alguma prática? Vai buscar locais para se informar mais sore alguma modalidade? Comente aqui embaixo.

 

 

 

 

 

Postagens Recomendadas

Digite o que procura e pressione Enter para pesquisar