Decoração Japonesa

 em Decoração, Estilo de Vida

Você também é um amante da decoração japonesa? Então hoje, nós do Estúdio Pantarolli Miranda, vamos dar algumas dicas para você transformar o seu ambiente e deixá-lo no estilo oriental.

Decoração com poucos itens, estampas florais, futons e madeira são as diretrizes essenciais para decorar no estilo japonês. Os ambientes da decoração japonesa costumam ter uma base em tons claros, que podem variar entre o branco e tons de areia. Já nos objetos de decoração está liberado abusar das cores mais fortes e escuras. O vermelho, mostarda, preto e dourados são uma ótima pedida para a sua decoração japonesa ficar perfeita.

Uma característica da personalidade da decoração japonesa são as texturas marcantes e coloridas. Os elementos destas texturas podem ser alguns objetos da cultura oriental, como as texturas florais, desenhos de leques, folhas, árvores, pássaros e cerejeiras. Estas texturas podem estar presentes no papel de parede, nos tecidos, cortinas, carpetes e almofadas.

Costumamos dizer que a iluminação é a alma do projeto, e em uma decoração japonesa ela também tem papel fundamental. As luminárias ovais de papel, famosas lanternas japonesas, são mundialmente conhecidas como marca deste estilo de decoração, mas você também pode abusar de peças feitas em bambu e madeira com formas mais circulares.

A decoração japonesa costuma ser clean e minimalista, o lado mais marcante em um ambiente com estas características fica por conta dos adornos selecionados. Para estes espaços indicamos peças que reflitam a natureza, como por exemplo: fontes, plantas e elementos que representem as formas orgânicas das folhas e flores. Além disso, você também pode mesclar peças da cultura oriental, como as estátuas de Buda e de gatos, assim como espadas de samurai e leques.

Os japoneses têm o costume de comer e dormir no nível do chão, por este motivo os móveis mais baixos sempre vêm acompanhados de futons, procurando o conforto e ainda deixando o ambiente super elegante. A mesa para receber os amigos também pode seguir o mesmo estilo, criando assim um espaço mais intimista para as refeições.

Se você procura alinhar beleza com experiência sugerimos utilizar um mini-jardim zen, que são aquelas miniaturas do mais antigo jardim do Japão: o Ryoan-ji, em Kioto. A peça, além da beleza que remete à natureza, tem a função de relaxar o usuário através do movimento de uma pequena pá para fazer desenhos nos elementos do jardim, que normalmente mesclam vegetação, areia, pedras e estátuas. Uma peça de decoração que auxilia no relaxamento e convida à meditação.

 

Gostou do tema de hoje? Então siga o nosso estúdio no Instagram @estudiopantarollimiranda e acompanhe os nossos artigos mensais no Portal PolloShop.

 

Até a próxima. Arigatō

Postagens Recomendadas

Digite o que procura e pressione Enter para pesquisar